Cânions do Xingó propõem aventura pelo Velho Chico

Jun 26

Cânions do Xingó propõem aventura pelo Velho Chico


Passeio por lago de hidrelétrica permite banho de rio em meio a paredões de até 80 metros de altura

Navegar pelas águas calmas do Rio São Francisco para conhecer os cânions do Xingó é um dos melhores passeios de Sergipe. O ponto de partida é a cidade de Canindé de São Francisco, a 203 quilômetros de Aracaju. A partir da capital, a viagem de carro dura cerca de três horas e meia, em meio ao sertão nordestino.

A influência das águas e do vento sobre as rochas por milhares de anos, além de inúmeras transformações geológicas, deu origem ao cânion, formado por um vale profundo, com 65 quilômetros de extensão, 170 metros de profundidade e largura que varia de 50 a 300 metros. O visual é muito bonito, com rochas de granito avermelhado e cinza contrastando com as águas de verde intenso.

Em 2011, o local foi cenário da novela Cordel Encantado, da Rede Globo. O lugar, de paisagem deslumbrante, deu cor à cidade fictícia de Brogodó.

O Rio São Francisco tem 240 quilômetros de extensão. Considerado o rio da integração nacional, ele nasce em Minas Gerais e deságua no mar de Alagoas. Banha cidades históricas e povoados; forma praias fluviais; atravessa serras e cânions encantando a todos e gerando riqueza às comunidades ribeirinhas.

Devido à força de suas águas, foram construídas a Hidrelétrica de Angiquinhos, no início do século 20, e a de Xingó, na década de 1980, que garante grande parte da energia do Nordeste. Com o represamento das águas para construção da hidrelétrica, formou-se um imenso e profundo lago onde são realizados passeios de barco entre os majestosos cânions – paredões esculpidos pela natureza que chegam a ter 80 metros de altura.

Em meio ao sertão nordestino, o Velho Chico surge como um oásis, garantindo não só água para a irrigação das lavouras como também fortalecendo as comunidades locais por meio do turismo.

Os passeios partem de pequenos portos, como o localizado no Restaurante Karrancas. Para otimizar o tempo em viagens bate-volta, os turistas já reservam almoço antes de embarcar. O menu pode ter iguarias nordestinas ou ser à la carte, com opções de mariscos.

O passeio em catamarã percorre 18 quilômetros rio adentro, dura uma média de três horas e tem parada para banho. Uma estrutura de madeira entre os cânions abriga piscinas formadas a partir de redes de proteção, para que seja possível curtir as águas mornas sem medo de afundar. 

Fonte: DGABC

Comentários

Quer conhecer a região de Xingó e se hospedar no melhor hotel?